8 dicas para reduzir custos com frotas

A Gestão de Frota não precisa ser um problema! Há soluções para reduzir custos
A Gestão de Frota não precisa ser um problema!
5 de junho de 2018
As 7 vantagens das Frotas Terceirizadas para sua empresa
As 7 vantagens das Frotas Terceirizadas para sua empresa
19 de junho de 2018
8 dicas para reduzir custos com frotas

Frotas de veículos é, sem dúvida, um custo representativo para muitas empresas. Os ganhos de redução com elas são sempre significativos e contribuem para melhorar a rentabilidade do negócio. Neste artigo, vamos falar sobre 8 dicas para reduzir custos com frotas.

 

O Transporte Rodoviário é o mais relevante entre os modais na economia de muitos países. As economias passam prioritariamente pelas ruas e estradas, por isso a Gestão de Frota das empresas sofre uma forte influência do contexto socioeconômico.

Alguns movimentos da economia impactam fortemente nesta gestão e exigem um acompanhamento constante para que os custos inesperados sejam mitigados.

 

  • Investimentos em infraestrutura viária: novas estradas ou modernização das malhas existentes, criando opções de trajetos e reduzindo incidentes e quebras, influenciando o custo da viagem.

 

  • Preços dos combustíveis: é o principal custo da viagem, a variação constante é um desafio para as planilhas de custos das empresas.

 

  • Segurança: é um assunto bastante atual, que influencia nos valores de seguro, na necessidade de mecanismos de segurança e monitoramento de frotas e na previsão de perdas de equipamentos e de cargas.

 

Muitas empresas ainda usam as Frotas Próprias, especialmente de automóveis e pequenos e médios veículos de carga, para ter um controle completo da gestão.

 

Existem ações que podem aumentar a eficiência e reduzir custos com frotas, vamos falar de algumas que podem resultar em melhorias na performance desta gestão.

 

1. Avaliar fornecedores constantemente

 

A administração de frotas envolve uma extensa lista de itens para a performance e manutenção dos equipamentos – pneus, combustíveis, lubrificantes, peças de reposição rápida e de manutenção preventiva, entre outros mais.

 

Pesquisar regularmente os fornecedores possíveis, agregando novos. Isso será fundamental para obter sempre as melhores propostas.

 

Outro ponto importante é avaliar o desempenho de cada empresa ao longo do tempo, para evitar surpresas nas emergências – que são bastante comuns.

 

2. Investir na inteligência de monitoramento da frota

 

Este é um ponto crucial da gestão, especialmente quando falamos de segurança e eficiência de frota. E são dos pontos que demandam muito da nossa atenção.

 

  1. Na segurança, investir em sistemas de monitoramento remoto, equipamentos que protejam os veículos – sem riscos aos condutores – e uso de sites de mapeamento de vias em tempo real são ótimas opções para prever problemas e buscar as melhores soluções, como por exemplo avaliar rotas e horários mais seguros.

 

É uma preocupação que influencia não só na preservação da receita mas, acima de tudo, no cuidado com o profissional, o que falará muito da sua empresa no mercado.

 

  1. Na eficiência de frota, investir no estudo permanente – principalmente com veículos de carga – das localidades atendidas, relação custo/benefício de equipamentos, readequação conforme as demandas.

 

Extrair da frota a melhor relação do custo com o retorno otimiza resultados.

 

8 dicas para reduzir custos com frotas

 

3. Investir em profissionais qualificados e na capacitação permanente

 

A Gestão de Frota exige profissionais que tenham competências muito específicas nos processos – aquisição, legalização, monitoramento, manutenção, depreciação, venda e renovação de frota.

 

Ter uma equipe qualificada é a base para que o resultado de todo este processo seja uma frota eficiente, preservada, bem revendida e com o melhor custo em toda a cadeia.

 

Novas técnicas nestas etapas surgem a todo momento, por este motivo o empresário deve investir na capacitação permanente.

 

O SESC Senat oferece ótimos cursos para a área.

 

Quer conhecer mais áreas da sua empresa onde a redução de custos pode melhorar a rentabilidade? Veja nosso artigo!

 

4. Atenção na manutenção da frota

 

A manutenção pode ser o maior custo dentro da Gestão de Frota, se não considerarmos a aquisição em si. Envolve espaço físico, equipe qualificada, entre outros pontos que interferem na decisão das empresas de assumirem a manutenção.

 

E estamos falando de manutenções preventivas – que exigem estoque básico de peças e componentes – e corretivas, que estarão sujeitas a condições mais diferenciadas para cada tipo de intervenção.

 

Dar ênfase à uma eficiente programação preventiva que:

 

  • Reduz muito os custos de manutenção.

 

  • Evita falhas e veículos parados – recorrendo ao aluguel nas frotas mais enxutas.

 

  • Permite negociar melhor a compra das peças e até eliminar estoques.

 

Uma opção interessante é terceirizar a manutenção, que substitui todos os custos internos por uma prestação a cada serviço.

 

Neste caso, é essencial pesquisar as melhores oficinas e negociar corretamente contratos de manutenção.

 

8 dicas para reduzir custos com frotas

 

5. Atualização constante

 

É essencial estar sempre atualizado sobre mudanças no mercado e na economia como um todo que podem impactar a Gestão de Frota, gerando opções que podem reduzir custos ou sinalizando riscos que precisam ser avaliados o quanto antes.

 

  • Investimentos dos governos em malha rodoviária – vias novas ou renovadas, reduzindo o custo de manutenção.

 

  • Linhas de financiamento para aquisição de veículos – possibilidade maior de renovação da frota com condições financeiras que sejam melhores que o custo previsto de manutenção nos veículos mais antigos.

 

  • Novas tecnologias de manutenção – neste ponto também é importante a qualificação dos técnicos para absorver as mudanças que reduzem custo e tempo de máquina parada.

 

  • Novas tecnologias de monitoramento de frota – que auxiliam na redução de sinistros e roubos.

 

  • Variações de mercado nos valores de revenda – influenciam a expectativa na operação de revenda e, consequentemente, na estratégia de renovação da frota.

 

Estar sempre com as informações mais atuais sobre os diversos assuntos ajuda na tomada das melhores decisões em todas as etapas do processo.

 

6. Usar um sistema de gestão

 

A Gestão de Frota envolve muitos processos, com muitos  detalhes e, principalmente, onde os históricos de desempenho são ótima ferramentas para avaliar resultados e tendências.

 

Um bom sistema de gestão é o grande aliado para ter todas as informações de cada veículo – aquisição, depreciação, histórico de manutenções – concentrada e poder fazer análises comparativas entre itens da mesma categoria, avaliar o comportamento dos custos e operação no dia a dia.

 

Uma dica: os sistemas diretamente em plataforma web não exigem instalação em computadores ou servidor na empresa, bastando ter uma internet de alta velocidade.

 

8 dicas para reduzir custos com frotas

 

7. Considere um contrato de leasing

 

A maioria das empresas já adota o sistema de leasing para a aquisição de frotas de veículos. Ele pode apresentar algumas vantagens sobre a aquisição tradicional.

 

  • Libera recursos disponíveis para investimentos no core business.

 

  • É uma solução imediata quando a empresa não tem o recurso para adquirir.

 

  • Melhores taxas que os financiamentos tradicionais.

 

  • São pagamentos de despesa e dedutíveis do Imposto de Renda da empresa.

 

  • Protege a empresa do processo de depreciação.

 

  • Tem a opção de comprar o veículo no final do contrato.

 

8. Avalie a possibilidade de ter uma Frota Terceirizada

 

Como podemos ver ao longo deste artigo, são inúmeras atividades, complexas e com níveis razoáveis de risco, que envolvem uma Gestão de Frota.

 

Além disto, é necessário ter profissionais qualificados, muita atualização e controle.

 

Em um momento da empresa, todo este investimento pode não ser eficiente, pois demanda muito esforço, tempo e risco por uma atividade que não é o negócio principal.

 

Avaliar a opção de uma Frota Terceirizada pode ser uma opção interessante e que reduza bastante os fatores de risco do negócio.

 

Conforme podemos ver neste artigo, a Gestão de Frota é um processo bastante completo e merece toda a atenção da sua empresa, para que não transforme imprevistos em altos custos prejudicando o seu resultado.

 

Esperamos que estas 8 dicas para reduzir custo com frotas ajudem na melhor tomada de decisão para o seu negócio.

 

A Expense Reduction Analysts – ERA é uma consultoria mundial especializada em Gestão de Custo, inclusive em Gestão de frotas.

 

A ERA possui uma Metodologia de eficiência reconhecida e Profissionais qualificados e com experiência no assunto.

 

Quer conhecer mais?

 

Então clique aqui, marque uma reunião sem compromisso com um especialista e promova uma transformação em sua empresa.

Fernando Macedo
Fernando Macedo
Engenheiro Metalurgista pela FAAP – Fundação Armando Alvares Penteado, com especialização em Marketing pela ESPM – Escola Superior de Propaganda e Marketing, e MBA Executivo Internacional pela FIA – Fundação Instituto de Administração